Torres Vedras

Desactivado o Plano Municipal de Emergência

06.01.2010

Em reunião do passado dia 4 de Janeiro, e tendo em conta o balanço feito na altura, foi decidido desactivar o Plano Municipal de Emergência.

 

Apesar de as equipas ainda continuarem no terreno, o facto de as condições meteorológicas terem melhorado de forma considerável, e o facto de a normalidade estar a ser reposta gradualmente, contribuiu em muito para a desactivação do Plano.

 

Contudo, muito trabalho está ainda a ser feito.

Quer os privados quer as entidades publicas continuam a trabalhar na remoção de destroços. Também a EDP está a trabalhar no sentido de resolver casos muito pontuais de falta de energia em residências, apesar da sua acção estar mais direccionada para a reposição da iluminação pública. O Sector de Trânsito da Câmara Municipal e as Estradas de Portugal, concentram esforços na reposição da sinalética, bem como na limpeza de bermas e valetas em estradas municipais e nacionais.

À data da reunião, a Segurança Social estava a efectuar deligências no sentido de realojar uma família residente em Boavista-Olheiros.

 

No final da reunião, quer o Governador Civil de Lisboa, António Galamba, quer o Presidente da Câmara Municipal de Torres Vedras, Carlos Miguel, elogiaram a forma rápida com que as entidades actuaram, referindo também que esta é uma oportunidade para se aprender com a situação e trabalhar para que ocorrências  futuras e fenómenos do género causem o menor número possível de danos.

voltar ao topo ↑