Torres Vedras

Programa Municipal de Habitação Social - 2.ª fase

07.06.2018

A 2.ª fase do Programa Municipal de Habitação Social abrange quatro núcleos.

Relativamente ao núcleo C, situado na Travessa António dos Santos Verino, está previsto a transformação de um espaço onde existe uma moradia de tipologia T1, de um edifício anexo que configura um apoio à habitação (com dois quartos e cozinha) e de uma garagem com uma cave para arrumos, que apresentam de uma forma geral um mau estado de conservação. Este conjunto será alvo de uma intervenção de fundo, capaz de o reabilitar e dotar de características construtivas e funcionais adequadas à função habitar. Assim, está prevista a alteração/ampliação do conjunto de modo a que nele se desenvolvam duas frações/unidades de habitação que correspondam a uma tipologia T2 e T3, estando também previsto o arranjo do espaço exterior.

Já o núcleo D, localizado na Rua António da Silva Hugo, consiste numa moradia de tipologia T2, que será alvo de uma intervenção de reabilitação. Essa intervenção prevê o aumento do espaço da sala pela ocupação do espaço de arrumos existente, a criação de novas instalações sanitárias com as condições de salubridade necessárias e a requalificação geral da construção, estando ainda previstos arranjos exteriores e a aplicação de soluções de eficiência energética.

O núcleo E, situado no Beco Júlio Santos, consiste em duas moradias geminadas, constituídas por uma sala/hall de entrada, dois quartos e uma cozinha, que serão intervencionadas de forma a constituir uma única, de tipologia T4. Nesse âmbito serão demolidos os anexos exteriores, bem como as escadas existentes, criando-se um novo acesso, para além da parede central, de modo a criar uma sala de estar, uma zona de receção e uma zona de refeições, a partir do que se organiza toda a moradia, sendo que a cozinha também será ampliada. Para além da reabilitação do edificado, serão realizados arranjos exteriores e aplicadas soluções de eficiência energética.

 

Por fim, o núcleo F, localizado entre a Rua António Silva Hugo e o Beco Júlio Santos, é constituído por um prédio e uma moradia, os quais se apresentam degradados. O prédio, edifício A, será intervencionado de forma a ser composto por quatro frações (três de tipologia T2 e uma de tipologia T3), prevendo-se a sua reabilitação com a manutenção das suas características principais, sendo que a fração T3 resulta da união de duas frações e inclui a utilização da cave para arrumos. Já o edifício B é composto por uma fração de tipologia T3, a qual também será reabilitada tendo em conta o seu avançado estado de degradação, seguindo a linguagem arquitetónica do conjunto. Em ambos os edifícios serão também aplicadas medidas de eficiência energética. Os dois muros de suporte existentes serão reconstruídos. Será ainda criada uma horta comum.

NÚMEROS

Área: 580 m2

Valor: 697.765,53€

Prazo: 1.º semestre de 2020

Projeto: Nuno Valentim (núcleo C), Bonifácio Arquitectos (núcleo D e E) e Ana Cláudia Vale Paulos Arquitectura (núcleo F)