Torres Vedras

S. Pedro

01.07.2015

São Pedro

"Antes de se tornar um dos doze discípulos de Cristo, Pedro era pescador. Podemos falar de Pedro como uma “âncora” da Igreja.

Jesus comparava Pedro à rocha. Pedro foi o fundador, junto com Paulo da Igreja de Roma, sendo-lhe concedido o título de Príncipe dos Apóstolos. S. Pedro foi o primeiro Bispo de Roma.

A composição da figura centra-se na ideia de uma estrutura que resiste às forças adversas da natureza, quase que como uma figura de proa de um barco. Inclinada, em atitude de força contra o vento e preparada para afrontar as intempéries.

Com os pés bem assentes na terra, este S. Pedro baseia a sua forma na pirâmide, símbolo da síntese, da ideia, e da dimensão espiritual. Em que a base é a multiplicidade, a dispersão e o caos, e o topo o mundo dos princípios e da unidade.

Ao nível da integração no espaço de implantação colocou-se a figura em posição frontal à zona de ventos dominantes da praça, contextualizando forma e conceito. Numa relação próxima com a população optámos por não colocar o Santo numa base ou pedestal - utilizamos para esse efeito o plano sobrelevado do jardim de oliveiras do lado direito da igreja - é uma visão mais humanística de um Santo que é Pedro, uma pessoa que se vê glorificada pelos actos que realiza enquanto Homem."

João Castro Silva | 28/05/2015

 

Localização: Largo de S. Pedro – Torres Vedras
Data de Inauguração: 29 de junho 2015
Material e dimensões: Bronze, 260x65x80 cm

João Castro Silva

  • Nasce em 1966 em Lisboa
  • 1992 -Licenciado em Escultura. FBAUL
  • 1994 -Frequência do Curso "Bronze Casting" Royal College of Art– Londres
  • 2001 -Mestre em História da Arte, ULL
  • 2010 -Doutor em Escultura, FBAUL
  • É Professor Auxiliar do curso de Escultura na FBAUL
  • Expõe desde 1991 e individualmente desde 1996.

Prémios

  • 1993 -1º Prémio no Concurso "Os Jovens e a Arte", CMA
  • 1998 -2º Prémio do “ll Simpósio Internacional de Escultura em Ferro de Abrantes”.
  • 1999 -Menção Honrosa -Prémio Fundação Calouste Gulbenkian- no "lll Concurso de Jovens nas Artes -Francisco Wandscheider" Culturgest, Lisboa.
  • 2005 -Prémio Doutor Gustavo Cordeiro Ramos. Academia Nacional de Belas Artes.

Trabalhos em locais públicos

  • Rotunda da Areia - Quinta da Marinha, Cascais
  • Área de Serviço Repsol - Auto-Estrada do Oeste, sentido Norte / Sul.
  • Edifício sede da B.Braun Medical LDA, Queluz de Baixo.
  • Fábrica da Cultura, Amadora.
  • Rotunda viária no Bairro da Vila Morena, Torres Vedras.
  • Parque do Alto de Sto. António, Abrantes.
  • Montauban, França.
  • Montjean-sur-Loire, França.
  • Igreja de S. José Carpinteiro, Catujal, Loures.
  • Centro Cultural Eng. Adolfo Roque, Barro, Águeda.
  • Parque da Lavandeira, Oliveira do Douro/ Gaia.
voltar ao topo ↑