Torres Vedras

Informação relativa ao Centro de Classificação e Valorização de Resíduos Industriais Não Perigosos

12.09.2011

Confrontada pela empresa “Befesa – Gestão de Resíduos Industriais” com a proposta de instalação de um Centro de Classificação e Valorização de Resíduos Industriais Não Perigosos, a Câmara Municipal de Torres Vedras encomendou ao Departamento de Ciências e Engenharia do Ambiente da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade Nova de Lisboa, um Relatório Ambiental prévio.

O Relatório conclui “… que o projeto é positivo no sentido de possibilitar o tratamento de resíduos não perigosos produzidos na região, sendo a aplicação das normas técnicas e medidas de prevenção ambiental relevantes para minimizar as emissões resultantes para o ambiente envolvente”; e que “… não são previstas emissões atmosféricas perigosas…”.

Mas conclui também que poderão “… no entanto, ser geradas emissões que poderão causar incómodo às populações adjacentes…” bem como “… será também previsível a produção de odores, em especial na descarga e armazenamento de resíduos destinados às unidades de classificação e triagem de RNP, de adequação e de secagem de lamas…”. Mais à frente, considera o Relatório que “… o incómodo causado não deverá deixar de ser considerado um problema de saúde, já que afeta o bem estar e a qualidade de vida das populações…”.

Assim, com fundamento no Relatório Ambiental, o presidente da câmara municipal irá propor em Reunião de Câmara a não prossecução dos procedimentos técnico-administrativos para a requalificação do solo em causa para a concretização da proposta em análise, mantendo o solo a classificação atual no PDM.

Este texto foi escrito ao abrigo do Novo Acordo Ortográfico

voltar ao topo ↑