Torres Vedras

S. Gonçalo de Lagos

01.01.2016

S. Gonçalo
  • Autoria: Rogério Abreu (1967- )
  • Localização: Rotunda Cidade de Lagos- Parque do Choupal (junto à Ermida de Nossa Sr.ª do Ameal), Torres Vedras
  • Data de inauguração: 11 de novembro de 2015

 

Outra forma de  ver

“O artista no século XXI tem a felicidade de poder desfrutar, como talvez em nenhum outro momento, de uma imensa liberdade criativa.

O uso dessa liberdade, contrariamente ao que pode parecer, não é questão simples para nenhum artista, seja por razões do foro pessoal, ou por questões concernentes à sua inserção social.

Como diria Ortega e Gasset (1883-1955) a este propósito: “o homem é o homem e as suas circunstâncias”.

Pela minha parte tento sempre escutar as minhas pulsões interiores.

Quando me foi lançado o desafio para a apresentação de uma proposta escultórica, que tendo em vista homenagear S. Gonçalo de Lagos, e, em simultâneo promover a geminação com a cidade de Lagos, senti um enorme orgulho e igual entusiasmo.

Todavia, aqueles logo foram refreados pelo peso da responsabilidade e pela angústia que acompanha o ato da criação.

Além disso uma obra pública constitui sempre motivo de acrescida responsabilidade, que, neste caso, se avolumou por se tratar do padroeiro do meu concelho natal.

Iniciei a investigação sobre o tema e com esta foram escorrendo os primeiros esquissos. Por entre desenhos e reflexões. Da pessoa e da vida de S. Gonçalo de Lagos, três virtudes se salientaram aos meus olhos: Humildade, simplicidade e sabedoria. 

Privilegiei o silêncio da pedra e tentei refletir na obra o profundo respeito meditativo que dela pretendo fazer emanar, em especial, no momento do acolhimento a todos aqueles que chegam à cidade.

Da iconografia, pela força do simbolismo, escolhi: o livro (fechado), o hábito e a Cruz. E através deles condensei todas aquelas virtudes na escultura que entendi conceber, através de uma linguagem minimalista.

No meu espanto pelo fogo e pela regeneração que opera, escolhi o material. Basalto – Negro Portugal – que é uma matéria-prima de presença recorrente na minha obra, que também aqui logrou obter a minha preferência. Até porque faz acrescer a paixão dos grandes segredos que encerra, por ser proveniente das entranhas da terra, tão pouco conhecida e denota uma resistência à passagem do Tempo só comparável à Fé de grandes homens.

Restava, ainda, um pequeno pormenor a ultrapassar. Era imperioso encontrar pedras, que são de inequívoca raridade na dimensão pretendida. Mas a perseverança crédula deu frutos: encontrei as pedras desejadas! Esforcei-me por merecer tal dádiva da Natureza.

E a obra fez-se!”

 

Rogério Abreu

  • Artista autodidata, adepto do estudo e investigação contínuos.
  • 1989/90 Curso de desenho e pintura da École Assimil em Lausame (Suiça)

Exposições Individuais

  • 1992 
    • Auditório Mirita Casimiro (Viseu)
    • Junta de Turismo da Ericeira
  • 2001 
    • Galeria Fábrica das Artes (Torres Vedras)
  • 2002
    • Galeria Lapa Galery (Lisboa)
    • Galeria Municipal (Abrantes)
    • Galeria Mecenas (Málaga, Espanha)
  • 2003 
    • Galeria 21 (Évora)
    • Galeria Aquários (Guarda)
  • 2004 
    • Galeria Dukessa (Victória, Espanha)
  • 2005
    • Galeria Aquários (Guarda)
    • “Pedras, Pontes e Ideias”, Espace Lino Ventura (Comune de Garges-lès- Gonesse, Paris, França)
  • 2006 
    • Galerie la Capitale (Paris-França)
    • Galeria Inter - Atrium (Porto)
  • 2007  Homem para onde  vais... S.Monte Agraço-Lisboa
  •             Galeria Mouraria – Funchal (Madeira)
  • 2008 
    • “Gritos em Silêncio”- Centro de Cultura e Congressos da Ordem dos Médicos-Porto
  • 2009 
    • “Desencontros”escultura cerâmica Antiga Destilaria – Covilhã
    • “Simples Desconhecidos”- Fórum Cultural de Ermesinde - Valongo
    • “Tempestades de Silêncio”- Jardim Interior do Hospital da Luz (Lisboa)
  • 2010 
    • “Vitória da Luz” – Galeria Paleta –Lisboa
  • 2011 
    • “TOCA ME” – Paços – galeria Municipal de Torres Vedras
  • 2012 
    • “Moldar o Futuro” Escultura Social – Casa Museu Anastácio Gonçalves – Lisboa
  • 2014  
    • Rogério Abreu-Esculturas” Galeria Cristobal Bejarano - Linares - Espanha
    • “Da Luz, a Forma...”- Museu Municipal Santos Rocha e Centro de Artes e Espectáculos da Figueira da Foz
  • 2015 
    • Rogério Abreu- Centro de Cultura e Congressos da Ordem dos Médicos-Porto

Exposições Coletivas

  • Desde 1982 participou em mais de centena e meia de exposições coletivas em Portugal e no estrangeiro        

Bibliografia

  • Cerâmica e Escultura – Carlos Bajoca
  • Vários artigos em TV, rádio, jornais e revistas em Portugal, Espanha e França

Coleções

  • Representado em diversas colecções particulares no País, Europa, América do Sul e E.U.A . Assim como diversas instituições Públicas e Particulares.
  • Colecção da Ordem dos Médicos do Norte
  • Colecção Dr. M.Gazi Yasargil (E.U.A.)
  • Colecção José Mourinho
  • Dr.Miguel Guimarães
  • SASLBM & Associados-Sociedade de Advogados (Torres Vedras)
  • Colecção Portugal Telecom (PT)
  • Museu Municipal da Figueira da Foz
  • Museu da Presidência

Obra Pública

  • Com várias obras pública distribuídas pelo país
  • APECI-Torres Vedras
  • Busto de Homenagem ao comendador Joaquim Rabaça da Mota Veiga (Manteigas)
  • Monumento ao combatente (Belmonte)
  • Monumento à costureira (Belmonte)
  • Monumento aos 75 anos Bombeiros (Mêda)
  • Homenagem a Joseph Beuys (Ordem dos Médicos, Porto)
  • Monumento à geminação Torres Vedras-Ville Neuve de Ornon
  • Monumento à geminação T. Vedras-Wellington-Torres Vedras

Concursos e Prémios

  • 1ºPrémio de Escultura XIX Arte no Morrazo-Cangas-Vigo-Espanha