Torres Vedras

Deficiência

Conteúdos desta página

  1. Inquérito
  2. Balcão da Inclusão
  3. Deficiência Visual
  4. Escola Inclusiva
  5. Conversas Revelando a (D)Eficiência
  6. Acessibilidade em Espaços Culturais e Artísticos

Inquérito

Inquérito concelhio à deficiência e incapacidade na população adulta

Este inquérito foi promovido pela Câmara Municipal de Torres Vedras, em parceria com instituições locais, tendo como objetivo conhecer a situação social e de saúde das pessoas com deficiência no Concelho.

O inquérito dirigiu-se a pessoas com deficiência, de ambos os sexos, de todas as idades, e que residissem em domicílio particular (não em instituição) no concelho de Torres Vedras.

Pretendeu-se conhecer as situações de pessoas com deficiência, quer esta tenha sido causada por uma perda ou por uma anomalia, congénita ou adquirida, de funções ou de estruturas do corpo (incluindo psicológicas). Colocou-se assim especial ênfase no conhecimento das situações de deficiência que, em conjugação com os fatores do meio, possam limitar ou dificultar a atividade e a participação da pessoa em condições de igualdade com as demais.

A participação, que decorreu entre 6 de janeiro e 15 de março de 2020, foi voluntária, anónima e confidencial. 


Balcão da Inclusão

O Balcão da Inclusão tem como objetivos atender os cidadãos com deficiências ou incapacidade e respetivas famílias, prestar informação sobre os direitos, benefícios e recursos existentes, proceder ao seu correto encaminhamento e desenvolver uma função de mediação junto dos serviços públicos e entidades privadas, que poderão responder de forma mais eficaz às suas questões. 

Os cidadãos e suas famílias poderão marcar atendimento presencialmente, pelo telefone ou e-mail.

De referir que desde 2019 o Balcão de Inclusão do Município passou a integrar a Rede de Balcões da Inclusão, na sequência de um protocolo de cooperação assinado com o Instituto Nacional para a Reabilitação.


Contactos

Divisão de desenvolvimento Social
Área da Governança, Saúde e Intervenção Social
Câmara Municipal de Torres Vedras
Sandra Colaço
Telefone: 261 320 771
E-mailsandracolaco@cm-tvedras.pt


Deficiência Visual

O Município de Torres Vedras, através da implementação do seu Plano de Desenvolvimento em Saúde (PDS), desenvolve intervenções na área da deficiência, no que se refere à deficiência visual. Neste sentido, foi estabelecida uma parceria com o Prof. Fernando Martins, da Escola Secundária Henriques Nogueira, para conhecermos a população portadora de deficiência visual grave (>30%) no concelho de Torres Vedras, quais os seus problemas e necessidades e assim definir uma atuação estratégica e planeada.

Foi elaborado o diagnóstico e o plano de ação com o qual se pretende conhecer e melhorar a qualidade de vida e o bem-estar das pessoas portadoras de deficiência visual no concelho de Torres Vedras, aumentando a sua inclusão social e promovendo o empowerment desta população-alvo numa procura ativa de soluções para os seus problemas e necessidades.

No plano encontram-se explanadas um conjunto de ações concertadas dirigidas à população portadora de deficiência em geral e aos portadores de deficiência visual em particular, com o primórdio de contribuir para um aumento da qualidade de vida e do bem-estar de todos.


Contactos

Divisão de Desenvolvimento Social – Área de Atividade Física e Saúde
Câmara Municipal de Torres Vedras
Sandra Colaço
Telefone: 261 320 771
E-mailsandracolaco@cm-tvedras.pt

Professor Fernando Martins
E-mailprof_fernando@hotmail.com


Escola Inclusiva

“Escola Inclusiva” tem por objetivo efetuar um diagnóstico das situações de crianças portadoras de deficiência que ainda não integraram o sistema de ensino obrigatório. Tem por objetivo conhecer a realidade concelhia no que respeita a estas crianças, retratando as suas necessidades e permitindo a preparação para a sua inserção no sistema de ensino obrigatório.

Realizado anualmente, o diagnóstico da “Escola Inclusiva” caracteriza os domínios nos quais a criança apresenta limitações.

No que diz respeito aos recursos que se encontram atualmente ao dispor das crianças, e recursos necessários aquando da integração no estabelecimento de ensino obrigatório, ao nível do acompanhamento, são contemplados os sociais, educacionais e de saúde/terapêuticos; ao nível das Tecnologias de Apoio, os cuidados pessoais e de higiene, a mobilidade, as adaptações para mobiliário e espaço físico, a reeducação, a comunicação / informação / sinalização, e recreação. Foi ainda contemplada a questão das acessibilidades.


Contactos

Divisão de Desenvolvimento Social
Câmara Municipal de Torres Vedras
Silvia Silva
Telefone: 261 320 771
E-mailsilviasilva@cm-tvedras.pt


Conversas Revelando a (D)Eficiência

Destinatários: Entidades de Ensino do Concelho de Torres Vedras
Parcerias: Câmara Municipal de Torres Vedras e APECI

Este projeto está integrado no Plano de Desenvolvimento em Saúde (PDS), com o objetivo de promover as pessoas portadoras de deficiência, sensibilizar a população jovem e desmistificar os preconceitos associados a esta problemática.

Estas conversas têm a duração de duas horas e são constituídas pela apresentação de um pequeno filme, comentado por técnicos da Associação para a Educação de Crianças Inadaptadas de Torres Vedras (APECI), pela apresentação sobre a “autorrepresentação” e partilha de três experiências de vida de jovens portadores de deficiência, seguido de debate. As conversas decorrem no espaço escolar e as ações são desenvolvidas na Escola Secundária de Madeira Torres, Agupamento de Escolas de Freiria e Agrupamento de Escolas do Maxial.


Contactos

Divisão de Desenvolvimento Social – Área de Atividade Física e Saúde
Câmara Municipal de Torres Vedras
Sandra Colaço
Telefone: 261 320 771
E-mailsandracolaco@cm-tvedras.pt

APECI de Torres Vedras
Margarida Velasco
Telefone:  261 335 700


Acessibilidade em Espaços Culturais e Artísticos

A ANACED (Associação Nacional de Arte e Criatividade de e para Pessoas com Deficiência) criou um Diretório sobre Acessibilidade em Espaços Culturais e Artísticos do Distrito de Lisboa.

Este documento, que visa uma maior participação de pessoas com necessidades especiais nas atividades culturais promovidas pelos diversos espaços culturais, contou com o Município de Torres Vedras como parceiro.


Notícias / Desenv. social

Imagem da Notícia Dia Internacional da Pessoa Cigana foi assinalado em Torres Vedras

Dia Internacional da Pessoa Cigana foi assinalado em Torres Vedras

11.04.2022

O Dia Internacional da Pessoa Cigana foi celebrado na manhã de 8 de abril em Torres Vedras, com uma atividade que teve lugar no Edifício dos Paços do Concelho, organizada pela Câmara Municipal, à qual se associou o Alto Comissariado para as Migrações. (...)

Imagem da Notícia Primeiros kits do projeto “Oeste +Grávida” foram entregues

Primeiros kits do projeto “Oeste +Grávida” foram entregues

06.04.2022

A cerimónia de entrega do kit recém-nascido, no âmbito do projeto “Oeste +Grávida”, no concelho de Torres Vedras, realizou-se no dia 4 de abril, no edifício dos Paços do Concelho. Na ocasião, estiveram presentes cerca de 20 pais que receberam o kit entregue pela presidente da Câmara Municipal de To (...)

Imagem da Notícia Orçamento Participativo levou à aquisição de carrinha adaptada
Imagem da Notícia Obra da Unidade de Saúde de São Pedro da Cadeira vai avançar
Imagem da Notícia Câmara Municipal apoia o acolhimento e a integração de migrantes ucranianos
Imagem da Notícia Comissões Sociais de Freguesia e Interfreguesias retomaram atividade

Comissões Sociais de Freguesia e Interfreguesias retomaram atividade

22.03.2022

As três Comissões Sociais de Freguesia e Interfreguesias da Rede Social de Torres Vedras retomaram a sua atividade. As primeiras reuniões para elaboração e início de implementação dos planos de ação decorrem durante o mês de março, após as eleições para a constituição dos grupos executivos. (...)

Agenda / Desenv. social

Formação

Ensemble Intercultural - Parte II - Uníssono

Porta 5 - Espaço Cultural

26 de maio de 2022 | quinta

O projeto Ensemble Intercultural conta com a participação de vários migrantes e outras pessoas interessadas, sendo a música utilizada como linguagem universal, independente das múltiplas línguas presentes na comunidade. Esta iniciativa contribui não só para o bem-estar e lazer dos (...)

Debate/Seminário

World Café – Conversas Sobre Voluntariado

Centro de Artes e Criatividade de Torres Vedras

26 de maio de 2022 | quinta

O “World Café – Conversas Sobre Voluntariado” é uma iniciativa promovida e dinamizada pelo Banco Local de Voluntariado de Torres Vedras (BLV), que contará com a presença de entidades parceiras locais e voluntários do Banco, desafiando ainda à participação de todos os interessados na (...)

Formação

Projeto de fomento à produção artística e criativa

Porta 5 - Espaço Cultural

30 de maio de 2022 | segunda

O "Projeto de Fomento à produção artística e criativa" procura desenvolver as componentes artísticas dos migrantes e outras pessoas interessadas. Tem o objetivo de trazer a arte às novas comunidades do nosso Concelho, trabalhando e explorando diferentes vertentes artísticas como a pintura, o (...)

Formação

Ensemble Intercultural - Parte II - Uníssono

Porta 5 - Espaço Cultural

2 de junho de 2022 | quinta

O projeto Ensemble Intercultural conta com a participação de vários migrantes e outras pessoas interessadas, sendo a música utilizada como linguagem universal, independente das múltiplas línguas presentes na comunidade. Esta iniciativa contribui não só para o bem-estar e lazer dos (...)

Formação

Projeto de fomento à produção artística e criativa

Porta 5 - Espaço Cultural

6 de junho de 2022 | segunda

O "Projeto de Fomento à produção artística e criativa" procura desenvolver as componentes artísticas dos migrantes e outras pessoas interessadas. Tem o objetivo de trazer a arte às novas comunidades do nosso Concelho, trabalhando e explorando diferentes vertentes artísticas como a pintura, o (...)

Formação

Ensemble Intercultural - Parte II - Uníssono

Porta 5 - Espaço Cultural

9 de junho de 2022 | quinta

O projeto Ensemble Intercultural conta com a participação de vários migrantes e outras pessoas interessadas, sendo a música utilizada como linguagem universal, independente das múltiplas línguas presentes na comunidade. Esta iniciativa contribui não só para o bem-estar e lazer dos (...)

voltar ao topo ↑