Torres Vedras

Presidente

Carlos Manuel Antunes Bernardes

Tem 53 anos, reside no Turcifal, concelho de Torres Vedras, e gosta de viajar.

É presidente da Câmara Municipal de Torres Vedras desde 1 de dezembro de 2015.

É também Embaixador Quality Coast e membro do Comité Consultivo Político da CIVITAS Initiative.

Em setembro de 2016 foi nomeado Embaixador Green Destination para a Europa.

Ao longo do seu percurso, participou, em Portugal e no estrangeiro, em várias conferências, seminários, workshops e cursos relacionados com turismo, ambiente, sustentabilidade e mobilidade, entre outras áreas.

Formação Académica:

  • Doutorado em Turismo, no IGOT/ESHTE, Universidade de Lisboa, em 21 de dezembro de 2015;
  • Pós Graduado em Turismo (CFA), pelo IGOT, Universidade de Lisboa, no ano letivo 2011/2012;
  • Licenciado em Gestão de Empresas Turísticas e Hoteleiras, no Instituto Superior Politécnico do Oeste, em 2011.

Experiência Profissional:

  • Presidente da Câmara Municipal de Torres Vedras, desde 1 de dezembro de 2015;
  • Presidente do Conselho de Administração dos SMAS de Torres Vedras desde 1 de dezembro de  2015;
  • Vice-Presidente da Câmara Municipal de Torres Vedras, de 2005 a 2015;
  • Vereador da Câmara Municipal de Torres Vedras dos Pelouros de Ambiente e Serviços Urbanos, de 2003 a 2005;
  • Vereador do Pelouro do Turismo da Câmara Municipal de Sobral de Monte Agraço, de 1997 a 2001;
  • Adjunto e Secretário do Gabinete de Apoio Pessoal ao Presidente da Câmara Municipal de Torres Vedras, de 1994 a 1997;
  • Secretário da Junta de Freguesia do Turcifal, de 1989 a 1997;
  • Funcionário Público, desde 1988;
  • Guia Transferista na Empresa Intercentro, Grupo Eurolines, responsável pela linha de Málaga, de 1986 a 1993.

Primavera, tempo de esperança

08.04.2021

Com a chegada da primavera renova-se a esperança de podermos desconfinar dentro de todas as regras de segurança. O último ano tem sido difícil para todos nós, tendo o controlo e combate à pandemia sido uma prioridade.

Gostaria por isso, neste momento, de agradecer a todos os torrienses o trabalho desenvolvido neste último ano, nas várias frentes que enquanto comunidade nos temos envolvido desde a Saúde, a Educação, a Cultura os Serviços Públicos, as nossas Instituições, as Forças de Segurança, os nossos Bombeiros, as empresas, as famílias e, digamos, a nossa comunidade em geral. Salientamos quem tem estado na primeira linha e que, de uma forma ímpar, tem conseguido dar o seu melhor em prol do coletivo.

Apesar de tantas contrariedades conseguimos com que um conjunto de investimentos públicos fossem concretizados dos quais saliento o diálogo com o Governo e a articulação intermunicipal para a realização de obras de beneficiação de Estradas Nacionais 8 -2 (Ligação Torres Vedras / Lourinhã) e a EN 9 (Ligação Torres Vedras / Merceana) como exemplos de trabalho de cooperação melhorando as acessibilidades entre municípios vizinhos e dotando estas infraestruturas de maior comodidade e segurança.

Conseguimos através do orçamento municipal um conjunto de investimentos na Rede Viária Municipal dos quais destaco as ligações Asseiceira/Freira, Carreiras/Azinhaga/Sendieira, Casal do Soito/Bordinheira/Casal da Arriota e também o lançamento de concurso para a ligação Campelos/Cabeça Gorda, bem como a ligação Catefica/Cadriceira e limite do concelho/Sendieira/Chãos, entre outras intervenções.

A melhoria da rede viária nacional e municipal tem sido para nós uma das prioridades, a par do plano de reabilitação de arruamentos em todas as freguesias do Concelho, num trabalho sempre inacabado.

Com o objetivo claro de permitir que os torrienses possam dar o seu contributo através da participação em projetos de proximidade que venham valorizar o nosso território a 5ª edição do Orçamento Participativo está de volta. Com um montante de 350 mil euros, a iniciativa irá nos próximos tempos dotar as nossas freguesias de novos projetos. Participe no Orçamento Participativo 2021!

Abril será marcado pela conclusão das obras de requalificação da Praça 25 de Abril, na nossa cidade. Trata-se de um espaço emblemático para todos os torrienses e que nos últimos meses lhes esteve vedado pelo decorrer das obras. Esperamos agora que a fruição deste espaço melhorado supere o incómodo causado pelo decorrer das obras e pelo qual pedimos desculpa. Trata-se de uma obra que tem como objetivo a anulação de barreiras arquitetónicas, transformando assim a praça num espaço inclusivo para todos.

Abril também será evocado na sua plenitude, com a inauguração, no dia da Liberdade, do Centro de Artes e Criatividade de Torres Vedras.

voltar ao topo ↑